quarta-feira, 30 de janeiro de 2013

domingo, 20 de janeiro de 2013

Rio Zambezi ameaça isolar Marromeu


O aumento do caudal do rio Zambeze que se regista nos últimos dias ameaça isolar o distrito de Marromeu, em Sofala.

O administrador de Marromeu, Simões Zalambeza, citado pelo jornal “Diário de Moçambique”, afirma que, depois de ultrapassar o nível de alerta (4.75 metros), o rio Zambeze naquele distrito está nos últimos dias a aumentar de caudal, ameaçando cortar a estrada principal que dá acesso á vila-sede, situação que pode concorrer para o isolamento, a qualquer momento, daquela região da província de Sofala.

Zalambeza revelou ainda que até às primeiras horas da manhã de ontem o caudal do rio Zambeze situava-se em 5.66 metros, depois de anteontem ter estado nos 5.30 metros, contra os 4.75 do seu nível de alerta.

Explicou que as águas do Zambeze podem a qualquer momento interromper a circulação na estrada principal que dá acesso à vila-sede distrital, a partir da zona de Nhansawa, que fica próxima do município de Marromeu.

“Ainda não temos cortes na estrada até ao preciso momento, mas nos próximos momentos isso poder acontecer, porque neste ritmo as águas do rio Zambeze podem galgar a estrada e cortar a comunicação a partir da zona de Nhansawa. Estamos com o coração nas mãos, porque o rio está a transbordar velozmente” – disse Simões Zalambeza.

Por outro lado, a fonte afirmou que as autoridades estão a monitorar permanentemente o nível das águas no distrito, principalmente na ilha de Phewe, onde existem ainda pessoas que teimam em manter-se nesta zona, considerada de elevado risco.

“Mandamos ontem um barco com pessoal para a ilha para monitorar a situação e agiremos consoante o relatório que será apresentado pelos nossos enviados, mas estamos a ponderar a possibilidade de retirar as pessoas compulsivamente” – disse Simões Zalambeza.
                                                                                                       
Fonte:
Rio Zambeze ameaça isolar distrito de Marromeu (Sofala) | Notícias Moz Online http://www.noticias.mozmaniacos.com/2013/01/rio-zambeze-ameaca-isolar-distrito-de.html#ixzz2IXHzBFZD

Foto: Fernando Raposo

domingo, 13 de janeiro de 2013

Estrada que liga Marromeu a Malingapassi interrompida


Devido às chuvas que têm vindo a cair nos últimos dias um pouco por toda a província de Sofala, a estrada que liga a vila sede do distrito de Marromeu ao posto administrativo de Malingapassi encontra-se interrompida ao tráfego rodoviário, afectando mais de cinco mil habitantes.
De acordo com o administrador do distrito de Marromeu, Simões Zalembessa, o acesso de e para aquele ponto está a ser feito apenas a pé, mas mesmo assim com muitas dificuldades.

A fonte referiu que o distrito registou uma precipitação acumulada de mais de 300 milímetros. ”Isto fez com que a via de acesso a Malingapassi ficasse interrompida, afectando a movimentação de mais de cinco mil habitantes. A circulação daquela região para a vila de Marromeu apenas pode ser feita a pé, mas ainda assim com muitas dificuldades”, referiu.
Disse também a via que liga a antiga Lacerdónia ao distrito de Caia está em risco de tornar-se intransitável, por se encontrar na zona baixa.

Questionado sobre se o excesso de precipitação está ou não a afectar as culturas agrícolas, a nossa fonte respondeu negativamente, salientando que, pelo contrário, prevê-se uma excelente campanha agrícola.
“Ainda não registamos nenhuma ameaça das culturas agrícolas devido às chuvas” – assegurou Zalembessa.
“Estamos neste momento a usar a rádio comunitária de Marromeu, os líderes comunitários e o Comité Local de Gestão de Calamidades Naturais para alertar as pessoas sobre o comportamento do rio Zambeze” – disse.

Para além do distrito de Marromeu, em Sofala, a região de Chinamacondo, no distrito do Dondo, também está isolada da vila sede distrital devido ao aumento do caudal do rio Savane.
Em outras regiões da província de Sofala a situação não é tida como alarmante.

Entretanto, uma nota do Centro Operativo de Emergência (COE) na delegação do Instituto Nacional de Gestão de Calamidades (INGC) em Sofala, recebida na nossa Redacção, refere que a Administração Regional de Água (ARA-Centro) registou ontem uma ligeira subida dos caudais nas estações de Caia (4.75 metros), Marromeu (4.69 metros) e Dondo, mais concretamente na estação de Mafambisse (5.22 metros).

Perante a situação, de acordo com a mesma nota, o COE recomenda às populações que vivem nas ilhas para se retirarem para as zonas seguras e manterem-se atentas ao comportamento dos rios e cursos de água

Fonte: Diamoz ; Foto: Baptista José

quinta-feira, 3 de janeiro de 2013

Fotos da Festa de Natal da Criança – Ano 2012 3ª Edição

Com a palavra…
Se caminhamos na Terra, precisamos descobrir o porquê. O porquê é na verdade saber a missão que cada um recebeu. Esta missão é para evoluir a nossa moral e nosso lado espiritual, amando os seus e também o próximo. Auxiliando, amparando, orientando, tomando atitudes para fortalecer os aflitos, criando uma esperança para uma vida digna e honrada.

Portal de Sena propicia para as crianças de ninguém uma perspectiva de vida, para viver feliz e amar. E no amanhã tornar a criança do universo



Nossos agradecimentos a todos que apoiaram a iniciativa: a Companhia de Sena, Fundação Educar DPaschoal-Brasil pelo envio de Livros, a todos que direta ou indiretamente apoiaram. 

Por-Fernando Raposo